25 de fevereiro de 2014

O Almanaque do São Paulo e a "Maior biblioteca sobre futebol do mundo"

José Renato Santiago e Raul Snell, autores do "Almanaque do São Paulo"
A primeira vez que ouvi falar do José Renato foi no início do ano passado, quando soube pela minha esposa Cris que um professor seu de curso de 'Gestão do Conhecimento' era um grande colecionador de itens futebolísticos, principalmente  bibliográficos. Quando ela citou seu nome, perguntei se ele não tinha aparecido recentemente no "Caos" do canal History, programa sobre uma loja de antiguidades na Rua Augusta e o dia a dia de suas compras/vendas e negociações. Ela confirmou - era o mesmo José Renato Santiago que eu vira na telinha, mostrando os itens antológicos de sua quase infindável biblioteca (e eu babando no sofá). Ele também se interessou quando ela lhe contou sobre minha coleção de quadrinhos, revistas e discos - mais pela admiração mútua de colecionador do que propriamente por esses itens específicos, e por minhas participações jornalísticas em livros históricos e biográficos. Dessa conversa inicial com a Cris e uma ligeira troca de e-mails, ficou combinado uma visita naquele mesmo mês a seu vasto acervo na Serra da Cantareira. No ato, convidei meu amigo-gêmeo Marcelo Tieppo, corinthiano como eu, jornalista da área esportiva e um grande admirador da "mística'e da História do futebol ( amigo gêmeo porque nascemos no mesmo dia, mês e ano, além de outras coincidências). Mas poucos dias antes da aguardada visita, acabei conhecendo-o ao vivo, no evento em que o jornalista Luiz Carlos Duarte lançava seu livro sobre o Friedenreich - com pesquisa minha - na livraria da Vila ( postado na época por aqui). A Cris já lhe soprara sobre essa minha participação. Naquele mesmo dia, conheci figuraças do meio - experts, fãs, colecionadores, todos apaixonados pelo futebol - e tive a honra de prosear com esse formidável Sr. Raul Snell, um ourives que vinha se debruçando há anos na história do São Paulo FC e hoje, exatamente hoje ( 25/02) lança ao lado do José Renato esse fundamental "Almanaque do São Paulo", com todos os jogos oficiais disputados pelo time ( foto acima). Um grande viva aos dois! E um viva duplo ao José Renato que além do lançamento, também foi agraciado finalmente pelo Guiness Book com o título de dono da maior biblioteca sobre futebol do mundo. Merecidíssimo. A Mônica Bérgamo marcou o feito em sua coluna hoje na Folha de S.Paulo ( nota abaixo). Quanto aquela visita que eu, o Tieppo e meu filho Gabriel fizemos ao maravilhoso acervo citado, bem, essa vale um post inteiro, numa próxima.

QUATRO LINHAS
Folha de S.Paulo 25/02/2014 - Coluna Mônica Bérgamo

O "Guinness Book" deu a um paulistano o título de dono da biblioteca com o maior acervo sobre futebol do mundo. O consultor de empresas José Renato Santiago, 43, guarda 23.150 itens, entre livros, revistas e documentos, em seu escritório. "Mantenho com meu próprio dinheiro", diz ele, que foi avaliado por dois anos até conseguir o registro, neste mês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário